terça-feira, 24 de maio de 2011

Lendo Lobo Antunes (Os Cus de Judas)

Esta é uma das obras mais emblemáticas do grande mestre. Trata-se de um texto exemplar, repositório de toda a beleza que se pode extrair da língua portuguesa. Este livro devia ser um tratado de bem escrever em Português: uma linguagem cuidada e poética, que nos deixa estonteados pela beleza, pela sonoridade das frases e pelo sentimento que encerra.
Todos sabem que Lobo Antunes tem na Guerra Colonial um tema de eleição. Escrito num tom nitidamente auto-biográfico, este livro é um relato pungente de todo o sofrimento que aquela guerra provocou, no meio das trevas salazaristas.
Comentário completo amanhã no blogue.
Enviar um comentário